top of page

Como se manter saudável em viagens de longa distância

Introdução

Importância da saúde em viagens de longa distância


Viajar pode ser uma experiência incrível, mas também pode ser estressante para o corpo. É importante lembrar que a saúde é fundamental em viagens de longa distância. O corpo pode sofrer com a mudança de fuso horário, a falta de sono, a desidratação e a falta de movimento. Além disso, a exposição a germes em aviões e aeroportos pode aumentar o risco de doenças. Portanto, é essencial cuidar da saúde durante a viagem para garantir uma experiência agradável e segura.

Desafios para manter a saúde em viagens de longa distância

Viajar pode ser uma experiência incrível, mas também pode ser desafiador para a saúde. Em viagens de longa distância, os desafios são ainda maiores. O corpo pode sofrer com a mudança de fuso horário, a falta de sono, a desidratação e a falta de movimento. Além disso, a exposição a germes em aviões e aeroportos pode aumentar o risco de doenças. É importante estar ciente desses desafios e tomar medidas para manter a saúde durante a viagem.


Preparação antes da viagem


Consulta médica


Antes de embarcar em uma viagem de longa distância, é importante agendar uma consulta com um médico para avaliar a sua saúde e verificar se você está apto para viajar. Além disso, o médico pode orientá-lo sobre medidas preventivas para evitar doenças durante a viagem, como a vacinação contra doenças endêmicas do destino e a prescrição de medicamentos para prevenir enjoo ou dor de cabeça. Se você tem alguma condição de saúde crônica, como diabetes ou hipertensão, é ainda mais importante consultar um médico antes de viajar para garantir que você esteja preparado para lidar com qualquer eventualidade.


Vacinação



Vacinação é um aspecto crucial para manter a saúde durante viagens de longa distância. Antes de viajar, é importante verificar se há vacinas recomendadas ou obrigatórias para o destino escolhido. Além disso, é fundamental manter a carteira de vacinação atualizada, especialmente em relação a doenças como febre amarela, hepatite A e B, tétano e difteria. É importante lembrar que algumas vacinas precisam ser tomadas com antecedência, então é recomendável planejar com antecedência e consultar um médico especializado em medicina de viagem.


Preparação física

Antes de embarcar em uma viagem de longa distância, é importante se preparar fisicamente para evitar desconfortos e possíveis lesões. É recomendável realizar exercícios físicos regulares, especialmente aqueles que fortalecem a musculatura das pernas e das costas, que são as áreas mais afetadas durante uma viagem prolongada. Além disso, é importante manter uma boa postura durante a viagem, evitando ficar sentado por longos períodos de tempo e fazendo pausas para esticar as pernas e caminhar um pouco. Uma boa preparação física pode fazer toda a diferença para uma viagem mais confortável e saudável.


Alimentação saudável



Para manter uma alimentação saudável durante viagens de longa distância, é importante planejar com antecedência. Leve consigo lanches saudáveis, como frutas, castanhas e barras de cereais. Evite alimentos gordurosos e com alto teor de açúcar, que podem causar desconforto estomacal e prejudicar a digestão. Além disso, opte por refeições leves e equilibradas nos aeroportos e restaurantes de estrada, escolhendo opções com legumes, proteínas magras e carboidratos complexos. Beba bastante água para se manter hidratado e evitar a desidratação, que pode causar fadiga e mal-estar.


Durante a viagem

Hidratação


Hidratação é essencial durante viagens de longa distância. Beba água regularmente para evitar a desidratação, que pode causar fadiga, dores de cabeça e até mesmo problemas de saúde mais graves. Além disso, evite bebidas alcoólicas e com cafeína, pois elas podem desidratar ainda mais o corpo. Se possível, leve uma garrafa de água reutilizável com você e encha-a sempre que puder.


Para idosos saudáveis, a recomendação é de 30 ml por quilo de peso corporal. Ou seja, em uma pessoa de 70 quilos, pouco mais de 2 litros ao dia são o suficiente.

Mas a quantidade ideal varia muito, por isso deve ser avaliada individualmente, especialmente na terceira idade, quando tantas variantes entram em jogo.

Por exemplo, quem toma medicações para pressão alta e outras com ação diurética precisa caprichar na hidratação, pois elas fazem o corpo eliminar mais líquidos.

O mesmo ocorre com moradores de regiões quentes e praticantes de atividade física.

Se estiver voando, peça água com frequência aos comissários de bordo e evite beber água de torneira em países com água não potável.


Movimentação


Movimentação:

Durante viagens de longa distância, é importante manter o corpo em movimento para evitar a sensação de cansaço e desconforto. Levante-se e caminhe pelo corredor do avião ou do ônibus a cada duas horas, se possível. Se estiver dirigindo, faça pausas regulares para esticar as pernas e fazer alguns exercícios de alongamento.

Além disso, tente fazer alguns exercícios simples enquanto estiver sentado, como girar os tornozelos e flexionar os dedos dos pés. Essas pequenas ações podem ajudar a melhorar a circulação sanguínea e prevenir a formação de coágulos sanguíneos.


Alongamentos

Alongamentos são uma ótima maneira de manter o corpo saudável durante viagens de longa distância.

Eles ajudam a melhorar a circulação sanguínea, reduzir a tensão muscular e prevenir dores nas costas e nas pernas.

Alguns alongamentos simples que você pode fazer durante o voo incluem esticar as pernas, flexionar os pés e girar os tornozelos.

Além disso, é importante levantar-se e caminhar pelo corredor do avião a cada duas horas para esticar as pernas e evitar a formação de coágulos sanguíneos.

Lembre-se de que a prática regular de alongamentos também pode ajudar a prevenir lesões e melhorar a flexibilidade a longo prazo.


Alimentação saudável

Para manter uma alimentação saudável durante viagens de longa distância, é importante planejar com antecedência e levar lanches saudáveis, como frutas, nozes e barras de cereais.

Evite alimentos processados e fast food, que são ricos em gorduras saturadas e açúcares.

Se possível, opte por restaurantes que ofereçam opções saudáveis, como saladas e grelhados. Além disso, é importante manter-se hidratado, bebendo água regularmente e evitando bebidas açucaradas e alcoólicas.


Cuidados com o ambiente

Proteção contra doenças transmitidas por mosquitos


Para se proteger contra doenças transmitidas por mosquitos durante viagens de longa distância, é importante tomar medidas preventivas, como usar repelente de insetos, preferencialmente com DEET, e vestir roupas que cubram a maior parte do corpo. Além disso, é recomendável evitar áreas com grande concentração de mosquitos, especialmente ao amanhecer e ao entardecer. Caso apresente sintomas como febre, dor de cabeça e muscular, é importante procurar um médico imediatamente, pois esses podem ser sinais de doenças como a malária e a dengue.


Cuidados com a higiene


Além de manter uma boa higiene pessoal, é importante também tomar cuidado com a higiene dos locais que você frequenta durante a viagem. Evite tocar em superfícies sujas e lave as mãos com frequência, especialmente antes das refeições. Leve consigo lenços umedecidos e álcool em gel para higienizar as mãos e objetos pessoais, como celulares e óculos. Se estiver em um local com pouca higiene, como banheiros públicos, use sapatos fechados e evite sentar diretamente no vaso sanitário. Esses cuidados simples podem prevenir a contaminação por bactérias e vírus, mantendo sua saúde em dia durante a viagem.


Prevenção de lesões


Para prevenir lesões durante viagens de longa distância, é importante fazer pausas regulares para esticar as pernas e caminhar um pouco. Além disso, é recomendável usar roupas confortáveis e sapatos adequados para evitar dores nas costas e nos pés.

Se estiver viajando de avião, tente escolher assentos com mais espaço para as pernas ou considere pagar um pouco mais por um assento com mais conforto. Também é importante manter uma boa postura durante a viagem e evitar carregar bagagens pesadas, o que pode causar lesões musculares.

Viagens longas podem ser possível viajar sem dor. Algumas medidas simples aliviam o stress sobre a coluna e permitem diminuir os riscos do trajeto:

  • Sentar-se sobre os ísquios: sentar-se sobre os famosos “ossinhos do bumbum” é a chave para manter uma boa postura e não sobrecarregar a coluna.

  • Preferir poltronas espaçosas e que reclinam mais: os ônibus leito e a classe executiva dos aviões não oferecem apenas mais conforto, como, também, mais ergonomia. As poltronas mais espaçosas com maior reclinação poupam a coluna do desgaste.

  • Usar almofadas para corrigir a postura: as almofadas podem ser usadas de duas formas. A primeira é como apoio para o pescoço, evitando a dor cervical. A segunda, como apoio para a região lombar, para evitar a dor nessa região. Elas são ferramentas poderosas para ajustar e manter a posição da coluna.

  • Movimentar-se a cada 2h: por mais que o viajante procure sentar-se com a postura correta, não há nada melhor que se movimentar periodicamente. Fazê-lo a cada 2 hs já é suficiente.

  • Revezar o motorista: para quem vai viajar de carro, o ideal é ter mais de um motorista. Deste modo, ninguém sobrecarrega a coluna em excesso.

  • Pedir ajuda com as malas: no caso de malas pesadas ou que estejam no alto, o ideal é pedir ajuda a alguém. Assim, ambos dividem o peso e não há sobrecarga.


Conclusão


Importância de manter a saúde em viagens de longa distância


Viajar pode ser uma experiência incrível, mas também pode ser estressante e cansativo, especialmente em viagens de longa distância. É importante manter a saúde durante essas viagens para evitar problemas de saúde e garantir que você possa aproveitar ao máximo sua viagem. Alguns dos principais desafios que as pessoas enfrentam durante viagens de longa distância incluem jet lag, desidratação, inatividade prolongada e exposição a germes e bactérias. Ao tomar medidas simples, como beber bastante água, fazer exercícios leves e manter uma boa higiene pessoal, você pode minimizar esses riscos e manter-se saudável durante sua viagem.

Dicas finais para manter a saúde em viagens de longa distância

Além das dicas mencionadas anteriormente, é importante lembrar de manter-se hidratado durante toda a viagem. Beba água regularmente e evite bebidas alcoólicas e com cafeína, que podem desidratar o corpo. Também é recomendável fazer pequenos exercícios de alongamento e caminhar pelo corredor do avião ou ônibus para melhorar a circulação sanguínea e evitar a formação de coágulos. Por fim, lembre-se de descansar bem antes da viagem e, se possível, durante a viagem também. Uma boa noite de sono pode ajudar a manter o sistema imunológico forte e prevenir


Comments

Rated 0 out of 5 stars.
No ratings yet

Add a rating
bottom of page